Opinião

Da diferença entre Espiritismo e Espiritualismo

É muito comum afirmar-se que ser espiritualista é a mesma coisa que ser espírita ou espiritista. Aqueles que assim pensam dão prova de que desconhecem os fundamentos da Doutrina Espírita. Há outros que, ao serem interrogados sobre a religião a que pertencem, embora sejam espíritas militantes, vacilam e dão esta resposta: sou espiritualista.
De duas uma: ou respondem assim porque desconhecem a diferença que há entre a Doutrina Espírita e as doutrinas espiritualistas, ou porque temem confessar a qualidade de espírita convicto. Acham que, afirmando serem espiritualistas, eximem-se de quaisquer responsabilidades, no tocante à religião, diante da sociedade a que pertencem. É a isto que se chama "covardia moral".
É preciso que se saiba que "todo espírita é necessariamente espiritualista, mas nem todos os espiritualistas são espíritas".
Embora seja a Doutrina Espírita uma doutrina espiritualista, por excelência, é necessário fazer-se distinção das demais correntes espiritualistas.
Para exemplo, tomemos a Umbanda, seita muito divulgada no Brasil.
Será a Umbanda doutrina espiritualista?
Sim, é doutrina espiritualista, porquanto estabelece a comunicação entre os vivos e os chamados mortos, admitindo, conseqüentemente, a sobrevivência do Espírito após a morte do corpo físico; admite sua evolução através das vidas sucessivas e crê no resgate, pela dor, das faltas cometidas em existências anteriores.
Por essas características, não há dúvida alguma tratar-se a Umbanda de uma doutrina essencialmente espiritualista. Mas, por outro lado, será ela Doutrina Espírita ou Espiritismo?
Não. A Umbanda não pode ser considerada Doutrina Espírita porque admite cerimônias litúrgicas, entre elas a do casamento e a do batizado; é litólatra, porque adota nos seus trabalhos imagens dos chamados "santos"(a palavra litólatra vem de litolatria, que é a adoração das pedras), e é também fitólatra, porque faz uso de ervas para defumações, além de outros ritos (a palavra fitólatra vem do grego phyton "planta"; o segundo elemento, latra, provém do verbo grego latrein "adorar"). Mas o Espiritismo não tem ritos de espécie alguma.
Como se vê, por estas observações ficou demonstrada a diferença existente entre a Doutrina Espírita e uma das doutrinas espiritualistas, que é a Umbanda, doutrina esta que tem, face aos seus dogmas e ritos, bastante afinidade com o Catolicismo, também considerado espiritualista, porque admite a existência de Deus e de entidades espirituais que sobrevivem após a desencarnação.
*********************************************************************************

Com base no texto acima,vamos começar o nosso quadro "Opinião" dessa semana.
Realmente, é um assunto muito polêmico em nosso meio diferenciar espiritismo do espiritualismo.Encaramos muitos sites e até mesmo instituições sérias em nosso país que criticam muito a posição do Aurora (Grupo C.E),por sempre ser um site de noticiário geral:aborda universalismo,espiritismo,espiritualismo e a até mesmo um pouco de catolicismo .
Bom, aqui vai a resposta que damos a eles, só que agora publicamente.
Em um país como nosso, que a cultura católica reina, como não fazer um site com intenção de informar e melhorar a vida de todos ,sem ter um toque de catolicismo diante de nossa sociedade?
Ah..,mas nem todos são assim!
Estamos falando de maioria...um pequeno exemplo:pergunte as meninas espíritas ou não  como elas querem se casar?
Sei que teremos respostas diferentes(mas lembrando que estamos falando de maioria),sabemos o que elas irão responder :
"Na igreja de véu e grinalda!"
Outra influência católica em nossa cultura é que também espírita ou não,  muitas pessoas já mais maduras param às 18hrs para rezar a "Ave Maria" ou até mesmo o "Terço".
Ah...,mas temos nesse mesmo horário nas colônias acontecendo a oração do crepúsculo.
Lembrando que estamos falando de maioria e essa maioria, na hora que está orando ( 18hrs) , não é por que é a oração do crepúsculo e sim por que é a oração da Ave Maria.
(Na verdade pouco importa ,o que importa é que estão orando)
Os exemplos são apenas para mostrar que sendo espiritas ou não , vivemos ainda muito sobre a predominância cultural do catolicismo, sendo assim não temos como falar de nossa doutrina sobre o Cristo sem passar pelo catolicismo.É por isso  temos a opinião de Irmã Cataria , a capela ao vivo no rodapé de nossa página e os informativos das festas das igrejas  próximas a sede do Grupo C.E.
Agora chegando no espiritualismo,( lembrando que estamos falando de maioria...) a maioria das pessoas que chegam no espiritismo passaram por qualquer tópico na vida do espiritualismo ; não tem como, essa mesma predominância ao catolicismo;também existe quando se fala de espiritismo em confusão com o espiritualismo, é de praxe os dois se confundirem.Então como fazer um site de divulgação ao espiritismo sem tocar no espiritualismo?!, Não tem como, no momento em que vivemos.
Se isolarmos os assuntos apenas na essência do espiritismo, logo nos tornaríamos fechados às opiniões, pouca audiência, "pouca divulgação" e muitos repetitivos, que é o caso de muitas instituições boas que se fecham apenas na essência e não alcançam o público que deveriam alcançar.
A frase escrita no texto acima que está no Livro do Médiuns, explica bem o que queremos dizer:
"todo espírita é necessariamente espiritualista, mas nem todos os espiritualistas são espíritas"
Daí  concluímos que: não tem como fazer um site de divulgação espírita sem sermos um pouco espiritualista. Para o público em geral,site ,rádio ,tv ,rede, enfim ,mediante esta constatação, vamos concordar , se fizermos isso estaremos dando um "tiro no pé"; logo nos isolaríamos.
E concluindo o espiritualismo também leva um pouco de universalismo e por aí vai..
Cabe as redes,centros e instituições saber moderar isso,mas não deixar de tocar no assunto.
Tem uma parte do livro Nosso Lar que diz mais ou menos assim : Sobre o veiculo de resgate de pessoas no Umbral que se assemelhava a uma carruagem puxada por cavalos e rodeada de cães e, se não me engano, André Luis pergunta mais sobre o veiculo, e lhe é respondido que o veiculo mais correto a ser usado nesses resgates, se assemelhava a um submarino na Terra,e que usavam essa espécie de carruagem para que os enfermos não se sentissem humilhados, com a presença do outro veículo.
O que acho sobre a presença do espiritualismo na divulgação do espiritismo é mais ou menos o que significa essa pequena história em Nosso Lar.
Não dá para irmos direto ao ponto sem antes passar por algumas etapas;hoje os seres se encontram assim, amanhã esse quadro pode mudar.
Em muitos livros de Bezerra de Menezes encontramos vários manifestos dele em centros de umbandas e etc; claro que sem se apresentar como Bezerra e sim com um nome local preferido. Nota-se aí a humildade de Bezerra e o interesse dele em ajudar sem levantar bandeira do espiritismo ou espiritualismo, apenas ajudar.
Bom, essa é a nossa humilde resposta a quem acha que estamos no caminho errado; graças a Deus há 16 anos de Grupo C.E temos audiência diária de mas de 1800 pessoas!!!
DIARIAMENTE, isso pra gente significa muito; não estamos falando somente nível Brasil e sim mundial.
Obrigado pelo carinho e audiência e semana que vem tem mais no quadro "Opinião".



0 comentários:

Postar um comentário

Labels

Aurora Boreal/Grupo C.E. Tecnologia do Blogger.

Mapa

Free Visitor Maps at VisitorMap.org