Noticias do Meio


Getty Images
Um time de astrônomos da Universidade de Toronto (Canadá) encontrou um sistema parecido com o nosso a mais de 130 mil anos-luz. A diferença é que nesta galáxia, os planetas são gigantes. Saiba mais sobre esta descoberta, que parece coisa de filme de ficção científica!
Os pesquisadores canadenses identificaram quatro planetas muito grandes girando ao redor de uma estrela
O sistema é considerado novo pelos pesquisadores e é uma versão maior do nosso próprio sistema, sugerindo a possível existência de outros planetas com dimensões similares às da Terra
Os "planetões" estão na órbita da estrela HR 8799, que possui 1,5 vezes o tamanho do Sol e erradia mais luz
Os planetas gigantes devem ter aproximadamente 30 milhões de anos e o sistema também possui asteróides, cometas e discos de poeira
Os pesquisadores estão focando suas análises em planetas específicos. O primeiro a ser estudado é o HR 8799c. Ele possui dimensões semelhantes as de Júpiter e sua atmosfera tem água e carbono
Os outros três planetas são ainda maiores. Um deles, o HR 8799d, tem dez vezes a massa de Júpiter!
A existência desse sistema, com corpos tão grandes e distantes de sua estrela coloca em cheque as teorias atuais sobre a formação de planetas. Os cientistas acreditam ser impossível um planeta se formar tão longe da estrela que rege a sua rotação e fornece a luz
O sistema recém descoberto ainda vai passar por mais estudos e análises antes que os cientistas comprovem os resultados de suas pesquisas
Segundo as informações do Space Daily, os pesquisadores vão poder entender como os sistemas solares são formados com base nesta galáxia distante.

0 comentários:

Postar um comentário

Labels

Aurora Boreal/Grupo C.E. Tecnologia do Blogger.

Mapa

Free Visitor Maps at VisitorMap.org