Noticias do meio


Tormentas no Movimento Espírita


O que está acontecendo com o movimento espírita? Estamos passando por uma crise? Nos últimos tempos tem surgido uma quantidade imensa de livros mediúnicos com revelações não confirmadas pelouniversalismo. O universalismo está ultrapassado? Qual é o novo critério, o prestígio do médium? Isto não seria obsessão? O que diz o Espiritismo sobre o universalismo? Segue duas explicações da Revista Espírita:

Revista Espírita junho de 1867
“O Espiritismo não adotando senão os princípios consagrados pela universalidade do ensino, sancionado pela razão e pela lógica, sempre caminhou, e sempre caminhará com a maioria; é o que faz a sua força. Não há, pois, nada a temer das ideias divergentes; se elas são justas, prevalecerão, e serão adotadas; se são falsas, cairão.”        

Revista Espírita agosto de 1867
“Foi a universalidade do ensino, sancionada, além disso, pela lógica, que fez e que completará a Doutrina Espírita. Esta doutrina haure, nessa universalidade do ensino dado sobre todos pontos do globo, por Espíritos diferentes, e em centros completamente estranhos uns aos outros, e que não sofrem nenhuma pressão comum, uma força contra a qual lutariam em vão as opiniões individuais, seja dos Espíritos, seja dos homens.”

Com referência a tormenta do movimento espírita, Manoel P. de Miranda fala a respeito no seu último livro Amanhecer de uma Nova Era, página 19:
“O Espiritismo..., vem sendo sacudido por tormentas internas no movimento, gerando dissensões, filhas diletas da presunção, chegando-se ao ponto de contestar as bases da Codificação, ou apresentando-se falsas técnicas travestidas de científicas, de experiências pessoais, de informações mediúnicas não confirmadas pela universalidade do ensino.
Novos missionários surgem de um para outro momento, a si mesmos atribuindo realizações superiores e mergulhando em tormentosas obsessões por fascinação, assim como se apresentam novidades estapafúrdias que levam o bom nome da doutrina ao ridículo, pela maneira como são expostas as teses infelizes, nascidas na vaidade daqueles que são médiuns ou não.
Realmente, é um momento muito delicado, porque em todas as esferas da atividade terrestre dá-se igual confusão, misturando-se os interessados na preservação do desequilíbrio que atinge altos índices de criminalidade e de violência, de horror e estupefação...
Torna-se imprescindível o retorno às fontes evangélicas e às origens do movimento doutrinário totalmente destituídos de autoridades, de especialistas, de detentores de títulos universitários e arrogância intelectual, volvendo-se à simplicidade e ao serviço eminentemente cristão.”

0 comentários:

Postar um comentário

Labels

Aurora Boreal/Grupo C.E. Tecnologia do Blogger.

Mapa

Free Visitor Maps at VisitorMap.org