Estudos




A SOLIDIFICAÇÃO DA MATÉRIA
Na grande oficina surge, então, a diferenciação da matéria ponderável, dando origem
ao hidrogênio. As vastidões atmosféricas são amplo repositório de energias elétricas e de
vapores que trabalham as substâncias torturadas no orbe terrestre. O frio dos espaços atua,
porém, sobre esse laboratório de energias incandescentes e a condensação dos metais
verifica-se com a leve formação da crosta solidificada.
É o primeiro descanso das tumultuosas comoções geológicas do globo.
Formam-se os primitivos oceanos, onde a água tépida sofre pressão difícil de
descrever-se. A atmosfera está carregada de vapores aquosos e as grandes tempestades
varrem, em todas as direções, a superfície do planeta, mas sobre a Terra o caos fica
dominado como por encanto. As paisagens aclaram-se, fixando a luz solar que se projeta
nesse novo teatro de evolução e vida. As mãos de Jesus haviam descansado, após o longo
período de confusão dos elementos físicos da organização planetária.


O DIVINO ESCULTOR
Sim, Ele havia vencido todos os pavores das energias desencadeadas; com as  suas
legiões de trabalhadores divinos, lançou o escopro4 da sua misericórdia sobre o bloco de
matéria informe, que a Sabedoria do Pai deslocara do Sol para as suas mãos augustas e
compassivas. Operou a escultura geológica do orbe terreno, talhando a escola abençoada e
grandiosa, na qual o seu coração haveria de expandir-se em amor, claridade e justiça. Com os
seus exércitos de trabalhadores devotados, estatuiu os regulamentos dos fenômenos físicos
da Terra, organizando-lhes o equilíbrio futuro na base dos corpos simples de matéria, cuja
unidade substancial os espectroscópios terrenos puderam identificar por toda a parte no
universo galáctico.
Organizou o cenário da vida, criando, sob as vistas de Deus, o indispensável à
existência dos seres do porvir. Fez a pressão atmosférica adequada ao homem, antecipandose ao seu nascimento no mundo, no curso dos milênios; estabeleceu os grandes centros de
força da ionosfera e da estratosfera, onde se harmonizam os fenômenos elétricos da
existência planetária, e edificou as usinas de ozone a 40 e 60 quilômetros de altitude, para
que filtrassem convenientemente os raios solares, manipulando-lhes a composição precisa à
manutenção da vida organizada no orbe.
Definiu todas as linhas de progresso da humanidade futura, engendrando a
harmonia de todas as forças físicas que presidem ao ciclo das atividades planetárias.



0 comentários:

Postar um comentário

Labels

Aurora Boreal/Grupo C.E. Tecnologia do Blogger.

Mapa

Free Visitor Maps at VisitorMap.org