Papo de Varanda



Boa tarde a todos, saudades...
Puxa quantas festanças não foi....,eu sei..rsrsrsrs
Nossa, mais essas festas de fim de ano, realmente me marcaram muito, devido a muitos “acontecimentos”, como diz na música que ouvimos nas festas, “acontecimentos”.
É muito ruim confiarmos em alguém e vermos essa pessoa nos virar as costas, complicado de reluzir esse sentimento, certa vez já até ouvir coisas desse tipo de meu “protegido” como gostam de falar...
Confiar em alguém e esse alguém, se retirar de cena sem prévio aviso ou até mesmo pior ,esse alguém ir de encontro ao o que era ao contrario a você.
Complicado.., no meio dessas festas tive o prazer de ver isso,(Prazer sim pois através disso que aprendi certas lições), a ingratidão e o desrespeito, coisas que ainda não tinha visto em minha última vida, pelo menos que eu lembre.
E nesse embarque todo ,eu era a simplesmente a pessoa que deveria ter controlado isso tudo.
Já se ver que assim não foi...,muita coisa saiu errado ,esperei o óbvio e ele não aconteceu...
E o “ataque” veio de outro lado, só não foi pior, por intervenção de meu mentor, que nem posso se quer enxergar, mais o sinto e agradeço demais.
Bom daí em diante foi só cobrança e esporro, depois choradeira, procurei o lugar mais verde para me sentar, e chorei copiosamente, até sentir a presença de Rogério, que tinha sido muito duro comigo horas antes por sinal....
Então ele se chegou, sentou-se ao meu lado e me beliscou, “de novo “,bem forte.
Logo disse :  “aaaaaiiiiiii”
Rogério: Se senti isso é porque estar viva, logo é normal sentir esse sentimento que estar sentindo dentro de si.
Você acha que só por que se desencarnou ,em partes, não sentira o que eles sentem.
 E quem ainda sente, deve ser um obsessor...
ERRADO, minha pequena, senti agora em fervuras seu coração, o que o mais louco encarnado sentiria.
Não é o estado de espirito que muda os sentimentos e sim as experiências...
Você é uma trabalhadora que não aguentou a quantidade de água que lhe enviamos, quase se afogou...
EU: então vocês vão mudar a trabalhadora..?
Rogério: Ainda temos a opção de mudar a quantidade de agua enviada...
Pense nisso minha linda e mude certos direcionamentos de pensamentos.

E saiu...
Chorei mais um pouquinho,e dali dicidir mudar algumas diretrizes de meus trabalhos aqui e na Terra.
Bastante disciplina e muito silêncio,isso não conta aqui com meu “Papo de Varanda”,aqui é meu cantinho,a onde meu silêncio se encerra nem que seja por alguns minutos.
Ficamos demais decepcionados com muitos, no ano de 2012,mais como diz meu “protegido”.
“A ingratidão sempre sabe o endereço a onde ela ocorreu,por tanto estar sempre sujeita a voltar....,logo..,a receberemos....”
“Confiança se demora anos para adquiri-la,mas alguns minutos pode se auto destruir”
E nesse sentimento que início o ano de 2013,desculpem se estou um pouco “chocha”,é que ainda estou me “sintonisando”,afinal estou viva e muitas coisas ainda doi...
Beijão no coração de todos os meus leitores,força nesse ano de 2013,pois será um ano de muita luta a todos...
Saúde!!!!
Beijão!!!!!!!!
Isabelle Quintanilhar

0 comentários:

Postar um comentário

Labels

Aurora Boreal/Grupo C.E. Tecnologia do Blogger.

Mapa

Free Visitor Maps at VisitorMap.org