Lugares Distantes/2



Com o nosso barquinho na costa Africana saindo da ilha de Mussulo e já demos de cara com nossa próxima parada.
Nesse Lugares Distantes de hoje,vamos trazer um lugar muito especial,os notebook modernos de hoje em dia nos traz essa possibilidades,pode parecer estranhos para muitos que vão ler,mais para eles não.
Os trabalhadores das Plataformas Pretoliferas e adjacentes.
Lugares Distantes

Uma plataforma petrolífera, também referida como plataforma offshore , é uma grande estrutura usada na perfuração em alto mar para abrigar trabalhadores e as máquinas necessárias para a perfuração de poços no leito do oceano para a extração de petróleo e/ou gás natural, processando os fluidos extraídos e levando os produtos, de navio, até a costa. Dependendo das circunstâncias, a plataforma pode ser fixada ao solo marinho, pode consistir de uma ilha artificial ou pode flutuar.



Trabalhar numa plataforma petrolífera como a unidade Cidade de Angra dos Reis no litoral do Rio de Janeiro, é um exercício constante de reinvenção dos costumes, referências pessoais e familiares, noção de tempo e espaço. Mas sobretudo é um desafio de superação de um sentimento comum a todos: a saudade. A nova plataforma brasileira, que chegou ao País há um mês, conta hoje com 120 trabalhadores. Eles ficam 15 dias embarcados e folgam outros 15, e têm uma rotina diária que exige disciplina, treinamento e comprometimento, mas principalmente o companheirismo para superar a saudade quando ela aperta.
É o que afirma Emmanoel Siquara Neto, Enfermeiro que trabalha no pequeno hospital equipado da embarcação. A unidade está preparada para prestar todo tipo de atendimento, diz ele, até os casos de saudade: “Aqui somos uma família. Muitas vezes o nosso atendimento é uma conversa, uma palavra amiga.” A maioria sente falta da família. O gerente operacional da Petrobras, Humberto Americano, trabalha embarcado há 24 anos e diz que essa falta é combatida com a convivência amistosa entre os colegas. Ele lembra de um caso em que seus filhos, quando pequenos, chegaram a tramar para que faltasse ao trabalho. “Meus filhos sumiram com a chave de casa pra eu não sair para trabalhar, eles não queriam que eu fosse embarcar”, lembra, emocionado.
O mergulhador José Danilo diz que a saudade é uma grande “amargura” que enfrenta com muito exercício físico e as opções de lazer existentes na plataforma – TV, internet e livros. É um dos que mais torce para que a prometida academia de ginástica da embarcação fique pronta o quanto antes.
Já o mestre de cabotagem Eraclides Santos, responsável pela manutenção da segurança pessoal e ambiental, está feliz com o que o mar tem a oferecer: tranquilidade, paz, baleias e golfinhos. Ele é apaixonado pela vida que leva e diz que para afastar a saudade quando ela chega, basta olhar para o belo cartão postal natural que tem para todos os lados. “O mar é uma paixão. A gente escolhe essa atividade exatamente para estar em contato com o que a gente gosta”, afirma. “O mar nos traz todos os dias uma coisa nova, uma situação nova. A gente trabalha, faz o que gosta, mas com essa maravilha que é estar aqui, vivendo nesse oceano, no nosso Brasil tão bonito, tão rico, isso dá prazer.”
Para trabalhar em uma embarcação, há uma seleção rigorosa. Luiz Carlos Mendes, gerente ativo de produção senior, é um dos responsáveis por escolher os que vão para alto mar. Ele explica que a pessoa precisa ter um perfil específico e com disponibilidade para se dedicar em tempo integral. Para os que escolhem essa profissão, há vantagens. Os salários são maiores que os do pessoal de terra, há seguro de vida e outros benefícios. A grande desvantagem, admite, é o afastamento da família e amigos. “Para trabalhar aqui, é necessário que essas pessoas tenham um perfil voltado para a área operacional. A pessoa tem que gostar dessa atividade, desse ritmo de vida, porque não tem horário, essas pessoas estão aqui tempo integral à disposição da empresa e às necessidades do trabalho”, diz Mendes.
A plataforma Cidade de Angra dos Reis está ligada a nove poços do pré-sal da Bacia de Campos e será a unidade produtora do Sistema Piloto de Tupi. Quando estiver em pleno funcionamento, no ano que vem, ela produzirá 100 mil barris por dia e 4 milhões de metros cúbicos de gás.

O incrível mundo das Plataformas de Petróleo
Plataformas perfuram e produzem em locais com Lâminas d´água Ultra-Profundas

A engenharia acompanhou rapidamente a descoberta de campos de petróleo e gás em profundidades cada vez maiores, desenvolvendo plataformas específicas para cada situação. E seguindo o ritmo das descobertas do pré-sal, a encomenda de novas plataformas não pára. Em setembro, a Petrobras anunciou que contratará até 28 novas sondas de perfuração, a serem construídas no Brasil, com conteúdo nacional crescente, para exploração em águas ultraprofundas, incluindo justamente os campos localizados do pré-sal. A entrega dessas sondas está prevista para ocorrer entre 2013 e 2018.
Numa primeira fase, está prevista a contratação de um lote mínimo de nove sondas. Desse primeiro lote, sete unidades serão do tipo navio, que utilizarão projeto consolidado e de amplo domínio no mercado mundial. As outras duas unidades, que poderão ser tanto do tipo navio quanto plataforma semi-submersível, serão contratadas separadamente e poderão utilizar novas tecnologias que incorporem conceitos ainda pioneiros na indústria, mas que proporcionem grandes benefícios econômicos e operacionais para a Petrobras.
Devido às características dessas sondas, a sua construção no País também irá gerar um enorme incremento na indústria de bens e serviços responsável pela cadeia produtiva desses estaleiros. Para viabilizar todo esse enorme empreendimento, que poderá gerar mais de 40.000 novos empregos diretos e indiretos, quando todas as encomendas estiverem colocadas, o Governo Federal irá alocar, através do Fundo Garantidor da Construção Naval, R$ 4 bilhões exclusivamente para garantia da construção dessas 28 sondas de perfuração.
Tipos de plataformas
A indústria do petróleo utiliza atualmente duas famílias de plataformas, segundo a função a que se destinam: plataformas de perfuração ou sondas de perfuração marítima e as plataformas de produção.
As plataformas ou unidades de perfuração submarina são de três tipos: autoelevatória, semisubmersível e navios sonda. Estes três tipos de unidades de perfuração têm, em comum, além das utilidades (alojamentos, refeitório, geradores, laboratório, heliporto e outros) a sonda de perfuração que fica no centro da plataforma.
Nas perfurações submarinas a sonda é instalada sobre plataformas fixas ou móveis e navios de perfuração e as operações são semelhantes às de terra, com riscos e complicadores inerentes às atividades em alto mar
A sonda, equipamento utilizado para perfurar poços, é composta por uma torre, da altura de um edifício de 15 andares que sustenta os tubos de perfuração. Estes tubos que conduzem a broca passam por uma mesa giratória, na base da torre e, por rotação, vão atravessando as camadas do subsolo.
Por dentro dos tubos corre um produto, denominado lama de perfuração, que serve como lubrificante da broca, age como reboco das paredes do poço, mantém a pressão da perfuração evitando erupções e funciona como veículo para trazer à superfície os fragmentos da perfuração que são examinados em laboratório na própria sonda, fornecendo informações importantes sobre as camadas atravessadas. A lama, que é um composto de betonita, argila, óleo e água, depois de separada dos fragmentos da rocha é reutilizada na perfuração.
A perfuração é um trabalho duro e ininterrupto. A cada 27 m os sondadores encaixam um novo tubo. Como a vida útil da broca, que está na extremidade do primeiro tubo, é relativamente curta, em comparação com a duração da perfuração, ela precisa ser trocada várias vezes durante a sondagem. Para realizar esta operação é preciso retirar todos os tubos em seções de 27 m e, depois da troca da broca, recolocar tudo de novo no poço, sempre mantendo a pressão.
Se o poço estiver a 4 mil metros, o  que é comum, serão necessárias mais de 200 operações com tubos, para retirar e colocar a nova broca.   Em alguns intervalos da perfuração retiram-se cortes (testemunhos) da seção atravessada pela broca para serem analisados, fornecendo dados importantes para a continuação ou não da perfuração.
Sem títuloSem títuloSem título
Panoramica Plataformas Petroleras Flotantes (200 millas interior oceano Atlantico) a la altura de AngolaPlataformas Petroleras Flotantes (200 millas interior oceano Atlantico) a la altura de AngolaPanoramica Plataformas Petroleras Flotantes (200 millas interior oceano Atlantico) a la altura de Angola
Panoramica Plataformas Petroleras Flotantes (200 millas interior oceano Atlantico) a la altura de Angola

A plataforma Cidade Angra dos Reis, no Campo de Tupi, Bacia de Santos (RJ) - Foto: Stéferson Faria/Agência de Notícias Petrobras
plataformas-petroleo


tipos-plataforma.jpg

View more presentations from Petrobras


Vamos embora agora,subir em direção a Europa,mais a primeira "terra á vista",agente dar aquela paradinha para coletar mais belas imagens....







Fontes:
http://www.panoramio.com
http://blog.planalto.gov.br
http://www.youtube.com
http://www.slideshare.net
http://pt.wikipedia.org
Realização:
Grupo C.E,Arquivando lembranças...

Momento Espirita




Terapia contra o medo

O medo, até certo ponto, é uma reação natural perante aquilo que desconhecemos e se expressa por variadas formas no dia a dia.
Causam-nos medo a expectativa de um acontecimento desagradável, a surpresa perante uma situação difícil que não sabemos como enfrentar, ao menos no primeiro momento.
Também a expectativa por uma resposta que talvez seja negativa pode nos provocar certo receio, que pode se transformar em ansiedade controlada.
Também existem os medos de fantasmas, de tormentas, do escuro, da água ou do fogo que, quase sempre, são resultado do período infantil e que ainda não conseguimos vencer.
Mas existe um outro tipo de medo. É esse receio que se agiganta e nos leva a um estado de grande ansiedade, por acontecimentos pequenos ou até de simples expectativas.
Tal estado gera taquicardias, calafrios ou suores abundantes. Tudo demonstrando um desequilíbrio psicológico.
O medo desfigura a realidade. Coisas insignificantes se agigantam e se avolumam, fazendo-nos ver muitas situações distorcidas.
No Rio de Janeiro, uma senhora muito rica precisou, certo dia, ir ao costureiro provar um vestido novo para uma festa. Seu carro estava na oficina. Ela telefonou ao marido e lhe disse:
Bem, estou saindo agora. São três horas da tarde. Vou chamar um táxi porque acho mais seguro. Deverei estar de volta em torno das seis horas. Se eu não estiver de volta até esse horário, por favor, me procure.
Ela vivia atemorizada pela violência. Temia ser assaltada, sequestrada, maltratada. Por isso, tinha todos esses cuidados.
Chamou o táxi, foi até o ateliê de alta costura, provou a roupa, conversou com amigas e retornou para casa em outro táxi.
Quando saltou do carro em frente à sua casa e deu alguns passos na direção do portão, percebeu que um homem a observava de forma estranha.
Seu coração começou a bater violentamente. Ela olhou para trás. O táxi já desaparecera na esquina. Deu mais uns passos e o indivíduo a seguiu.
Ela começou a sentir pavor. Deu meia volta, apressou o passo na direção da rua. Alguém, com certeza, haveria de vê-la e socorrê-la, salvá-la daquele homem que deveria ser um assaltante, um ladrão.
Percebeu que ele continuava atrás dela. Começou a correr. O homem também correu e gritou:
Ei, sua boba, onde é que você vai? Sou eu, seu marido!
* *  *
A mais excelente terapia contra o medo e a ansiedade é a confiança em Deus, que criou a vida com objetivos elevados.
Reflexionemos com calma a respeito do medo e busquemos as suas causas, passando-as pelo crivo da razão.
Sejam, porém, de que ordem forem as causas do medo, exercitemo-nos mentalmente, nos processos para a sua eliminação.
Oremos a Deus, entregando-nos a Ele, em atitude dinâmica e nos disponhamos a enfrentar qualquer situação com pensamento otimista.
Guardemos a certeza de que Deus vela e guarda as nossas vidas.

Redação do Momento Espírita, com base em relato de
Divaldo Pereira Franco, em palestra pública no cenáculo da
Federação Espírita Brasileira, em Brasília, no dia 11 de
novembro de 2000; no cap. 11 do livro Momentos de felicidade
e no cap. 14 do livro Momentos de iluminação, pelo Espírito
Joanna de Ângelis, psicografia de Divaldo Pereira Franco, ed
Leal.
Em 5.7.2012.

Suadieta


Sua Dieta
Cardápio do dia - 07 de julho
  
CAFÉ DA MANHÃ
Pão de batata diet
Rendimento: 1 Porção
Caloria por porção: 176 kcal
 ver café da manhã completo
ALMOÇO
Costela especial
Rendimento: 1 Porção
Caloria por porção: 283 kcal
 ver receita
 ver almoço completo
JANTAR
Filé de linguado com camada de legumes
Rendimento: 1 Porção
Caloria por porção: 292 kcal
 ver jantar completo

Noticias do Meio


Animais não podem andar no colo do motorista nem soltos


O cinto de segurança não é um item essencial somente para os humanos quando andam de carro, os bichos quando transportados também precisam desta proteção.
De acordo com Dados do Departamento Estadual de Trânsito (Detran) houve um aumento no número de veículos que são autuados pela presença de animais solto. No primeiro trimestre deste ano, foram 241 ocorrências dessa infração em todo o Estado, ante 179 no mesmo período de 2011.
Segundo o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), dirigir veículo com animal à esquerda do motorista ou entre seus braços e pernas configura infração média, que rende quatro pontos na carteira de habilitação e multa de R$ 85,13.
Nem todo motorista sabe dos riscos de levar cães e gatos livres no automóvel. O ventinho pela janela expõe o animal  a infecção de ouvido e lesões nos olhos. Animais soltos no veículo também se sujeitam a machucados graves. Se o carro está andando e para rapidamente, o bicho pode sofrer traumas e até morrer. Cães e gatos soltos ampliam as possibilidades de acidente, ao fazer um movimento que chame a atenção do motorista, distraindo-o, ou quando o bicho é pequenininho, pular no pedal.
Por isso, a recomendação é sempre levar bichos presos em cintos feitos para eles, ou em caixas próprias para locomoção de animais, com uma portinhola na frente, afiveladas pelo cinto de segurança do carro. E no banco de trás.

Noticias do Meio


Lixo orgânico é transformado em negócio lucrativo no Brasil


A destinação inteligente do lixo úmido já é realidade em várias empresas do Brasil.
O lixo é um negócio lucrativo, e muito positivo para o meio ambiente, desde que tratado corretamente. O que se joga fora de comida por ano no Brasil daria para alimentar 30 milhões de pessoas. É a população do Iraque.
Cada um de nós gera em média um quilo de lixo por dia e mais da metade disso é matéria orgânica. São 22 milhões de toneladas de alimentos que para na lixeira. Resíduos que se transformam em uma bomba-relógio ambiental na maioria das cidades brasileiras.
Abandonados a céu aberto, os resíduos orgânicos vão parar nos lixões, e é nesses locais que milhares de pessoas acabam vivendo, na tentativa arriscada de ganhar a vida, mas há quem já enxergue no lixo uma maneira correta de trabalhar e excelentes oportunidades de negócio. A destinação inteligente do lixo úmido já é realidade em várias empresas do Brasil.
De restinho em restinho chega-se a cinco toneladas de lixo por mês numa fábrica de produtos de beleza. O diretor da Lóreal Brasil, Rogério Barbosa diz que com a ajuda de parcerias, faz a compostagem.
Numa outra fábrica de equipamentos, White Martins, os recicláveis são separados num galpão e mais recentemente, o lixo orgânico também passou a ter um destino mais nobre.
O que antes era resto de comida vira material seco, sem cheiro ou riscos para a saúde. Misturado à terra preta, o composto é ensacado para então se transformar em um produto cobiçado no mercado de jardinagem. Quem quiser pode produzir adubo orgânico dentro de casa. Em pelo menos cinco mil domicílios brasileiros, a Minhocasa é o destino final do lixo orgânico.
O sistema inspirado num modelo de política pública adotada da Austrália funciona até em apartamentos pequenos. Em caixas fechadas, que não exalam mau cheiro, as minhocas realizam de graça a conversão do lixo em adubo.
Para mais informações acesse a página www.minhocasa.com

Saiba Mais

Leopoldo Cirne



Leopoldo Cirne exerceu o cargo de Presidente da Federação Espírita Brasileira durante o período de 1900 a 1914. Nasceu em 31 de Abril de 1870, na Paraíba do Norte, criando-se, porém, na cidade do Recife. Desencarnou no Rio de Janeiro, na manhã de 31 de Julho de 1941. Desde cedo, nele se revelou acentuado pendor pelos estudos e, favorecido por viva inteligência, avançava, com real proveito, em seu curso de humanidades. Dificuldades financeiras obrigaram-no a abandonar os estudos e a ingressar no comércio, quando contava onze anos de idade.
Os comerciários atualmente desfrutam regalias e liberdades que aos de seu tempo não eram concedidas. Mal despontava a aurora, até às caladas da noite , estava o empregado no serviço ativo. Só uma pequena parte do Domingo podia o comerciário de então respirar mais livremente e dispor da sua vontade. Quis, porém, o destino que o nosso biografado, apenas de ter a alma cheia de belos sonhos, se visse na contingência de enfrentar, ainda menino, as lutas e a rude disciplina comercial, sacrificando, assim, seus mais caros ideais de formação intelectual!
Ignoramos se em aqui chegando, pelo ano de 1891, trazia já sua crença firmada na Terceira Revelação. O certo, porém, é que em pleno desabrochar da sua juventude, pois contava mais ou menos vinte e dois anos de idade, já ao lado do inolvidável Bezerra de Menezes trabalhava tão sincera e entusiasticamente a prol do Espiritismo, que desde logo granjeou a confiança de seus confrades que lhe sufragaram, em 1895, o nome para Vice-Presidente da Federação Espírita Brasileira.
Despontava o dia 11 de Abril de 1900 e a família espírita brasileira, os pobres, os pequeninos, os ignorados que o espírito de Adolfo Bezerra de Menezes, o grande Presidente da Federação Espírita Brasileira, partira para as regiões sublimes do Além!
Foi, pois, a uma personalidade dessas que coube a Leopoldo Cirne substituir na suprema direção da Casa de Ismael. E a sua atuação nesse alto posto foi tão marcante que, por cerca de catorze anos, o exerceu com verdadeiro amor evangélico e dentro daquele espírito de sincera humildade de que o Cristo nos deu edificante exemplo. Em começo dissemos que se vira ele obrigado a interromper seu curso de humanidades; todavia, com esforço próprio conseguiu Leopoldo Cirne ser um dos mais puros vernaculistas, deixando-nos artigos e obras que até hoje deixando-nos artigos e obras que até hoje merecem a nossa admiração.
A sua perseverante força de vontade e de confiança na misericórdia do Alto, deve a Federação Espírita Brasileira a sede na Avenida Passos, inaugurada no dia 10 de Dezembro de 1911.
Consagrou-se no campo da literatura filosófico-religiosa como um dos grandes pensadores do Movimento Espírita do País, sendo mesmo cognominado - o Léon Denis brasileiro.
Conhecia profundamente a Bíblia e tinha de cor muitos trechos da Imitação do Cristo. As melhores obras de religião, filosofia, ciência, arte e literatura em geral lhe eram familiares.
Traduziu vários livros para o nosso idioma, entre eles "No Invisível"e "Cristianismo e Espiritismo", ambos de Léon Denis, e organizou, em 1904, o opúsculo "Memória Histórica do Espiritismo".

Lição de Vida


Um homem muito rico, perdeu uma bolsa com quatrocentas moedas de ouro.
Resolveu colocar um anúncio no jornal dizendo que daria uma recompensa a quem achasse a bolsa.
Dias depois, apareceu um rapaz pobre, mas muito honesto, e conhecido na cidade, trazendo a bolsa com as quatrocentas moedas.
O rico contou as moedas; quatrocentas, certinho. Mas, como era muito mesquinho, procurou um jeito de não dar a recompensa.
Então, olhando para o rapaz, disse:
- Faltam cem moedas, seu malandro! Por isso, você não merece gratificação alguma.
O pobre rapaz procurou o juiz da cidade, que chamou o homem rico e perguntou:
- Quantas moedas havia na bolsa que o senhor perdeu?
E o rico, querendo ser mais esperto, respondeu:
- Quinhentas moedas.
O juiz, então, concluiu:
- Sendo assim, essa bolsa não pertence ao senhor. Devolva-a para este rapaz e vá embora. Quando aparecer o verdadeiro dono, ele a devolverá.
LIÇÃO DE VIDA:
Quem tudo quer, tudo perde.
O rico tinha dinheiro. Mas não tinha honestidade.

O que já se passou no dia de hoje


Travou-se a Batalha de Otumba

TRAVOU-SE A BATALHA DE OTUMBA

07 de julho de 1520
A Batalha de Otumba foi um Combate travado em 7 de Julho de 1520 pelos conquistadores espanhóis (comandados pelo conquistador espanhol Hernán Cortês) do México contra os astecas (Comandados por Cihuacóatl Matlatzincátzin). Apesar da vitória espanhola, este foi o grupo que sofreu mais baixas em comparação ao dos mexicanos, pois faleceram quase todos os tlaxcaltecas (povo indígena do México) que acompanhavam Cortês. Cansados, finalmente retiraram-se seguindo o caminho para Tlaxcala (centro-oriente do México). Mais de 440 pereceram na batalha de Otumba e calcula-se que 870, incluindo os que ficaram em mãos dos mexicanos, foram sacrificados no templo Maior.
Morre o cantor e compositor Cazuza

MORRE O CANTOR E COMPOSITOR CAZUZA

07 de julho de 1990
No dia 7 de julho de 1990 morria, no Rio de Janeiro, Agenor de Miranda Araújo Neto, mais conhecido como Cazuza, cantor, compositor e ex-líder da banda Barão Vermelho. Em nove anos de carreira, Cazuza deixou 126 canções gravadas, 78 inéditas e 34 para outros intérpretes. Polêmico, ele também chamava atenção por sua vida boêmia e pela sua declarada bissexualidade. Em 1989, admitiu ter contraído o vírus da Aids e morreu por conta dessa doença.
 
Dentre as suas músicas mais famosas com Barão Vermelho estão "Todo Amor que Houver Nessa Vida", "Pro Dia Nascer Feliz", "Maior Abandonado", "Bete Balanço" e "Bilhetinho Azul". Já em sua carreira solo, destaque para "Exagerado", "Codinome Beija-Flor", "Ideologia", "Brasil", "Faz Parte do meu Show", "O Tempo não Para" e "O Nosso Amor a Gente Inventa".
 
Nascido no dia 4 de abril de 1958, no Rio de Janeiro, Cazuza era filho único e sempre teve contato com o mundo da música por conta do trabalho do seu pai na indústria fonográfica. Com isso, ele cresceu em meio a figuras como Caetano Veloso, Elis Regina, Gal Costa, Gilberto Gil e João Gilberto. A mãe, Lucinha Araújo também cantava e gravou três discos.
 
Cazuza começou a cantar em público no começo da década de 80 e, junto à banda Barão Vermelho, conquistou grande sucesso. Em janeiro de 1985, ele e a banda se apresentaram na primeira edição do Rock in Rio. Neste mesmo ano, deixou o Barão Vermelho para seguir a carreira solo. Nesta época, suspeita-se que Cazuza já tivesse adquirido o vírus da Aids. A partir de 1987, contraiu pneumonia, doença em decorrência da Aids. Mais tarde, viajou aos EUA para fazer um tratamento com AZT. Em 1988, lançou o álbum Ideologia e, no mesmo ano, gravou “O Tempo Não Para”. Seu último álbum em vida foi Burguesia (1989).
 
Em fevereiro de 1989, Cazuza declarou publicamente ser soropositivo e apareceu de cadeiras de rodadas para receber um prêmio pelo álbum Ideologia. Bastante debilitado, ele morreu aos 32 anos por conta de um choque séptico causado pela AIDS. 
Proclamou-se o Dia Internacional das Cooperativas

PROCLAMOU-SE O DIA INTERNACIONAL DAS COOPERATIVAS

07 de julho de 1995
O Dia Internacional das Cooperativas foi proclamado em 7 de Julho de 1995 pela Assembléia Geral de Nações Unidas como comemoração dos cem anos da Aliança Cooperativa Internacional, grupo que reúne as cooperativas de mais de 100 países e conta com a enorme cifra de 700 milhões de membros. Com a iniciativa a Assembléia reconheceu o grande valor do movimento cooperativo como fator do desenvolvimento econômico e social das nações. O que distingue uma cooperativa de uma empresa normal é, primordialmente, que seu objetivo seja proporcionar serviços aos seus associados e não obter benefícios, isto é, o principal interesse deve ser o associado e sua comunidade, e não o ganho do dono. Todas estas características fazem das cooperativas uma alternativa à empresa capitalista normal, especialmente nos lugares marginalizados do mundo, onde as empresas não querem investir porque não vêem um benefício imediato.

Noticias do Meio

Com planos de levar humanos até Marte, cápsula Órion está pronta para testes

COM PLANOS DE LEVAR HUMANOS ATÉ MARTE, CÁPSULA ÓRION ESTÁ PRONTA PARA TESTES



A cápsula espacial Órion, que foi concebida pela Nasa para levar astronautas ao espaço profundo, já está no Centro Espacial Kennedy, na Flórida. Apesar de poder levar até quatro tripulantes, as duas primeiras viagens da Órion não terão pessoas a bordo. Testes estão programados para ocorrer entre 2014 e 2017, mas apenas em 2021 está prevista a inclusão de astronautas. Em 2025, a Nasa quer enviar tripulantes para um asteroide próximo da Terra e, nos anos 30, levar o homem a Marte.

A expectativa é que a Orion viaje até 5,5 mil quilômetros de distância da Terra. Pessoas envolvidas no projeto da nave acreditam que ela poderá ser a mais importante ferramenta de exploração humana do Sistema Solar nos próximos 30 anos.


Artigo relacionado

Imagens que passam em nosso Tumblr




Glandula Pineal/7

Frase do Dia

“Nunca é impossível descobrir algo de bom em alguém para comentário construtivo.” - André Luiz

Em Destaque no Mundo



Higgs alcance

Nossa compreensão do universo está prestes a mudar ...

ATLAS e CMS experimentos no CERN apresentou hoje os seus últimos resultados na busca para a tão sonhada bóson de Higgs . Ambos os experimentos ver fortes indicações para a presença de uma nova partícula, o que poderia ser o bóson Higgs, na região em torno de massa giga elétron-volts 126 (GeV).
Os experimentos encontrados indícios da nova partícula, analisando trilhões de colisões próton-próton do Large Hadron Collider (LHC) em 2011 e 2012. O Modelo Padrão da física de partículas prevê que um bóson de Higgs decairia em partículas diferentes - o que os experimentos do LHC, em seguida, detectar.
Exibição do evento mostrando faixas de partículas de uma colisão, como visto pelo experimento CMS
Um evento de colisão próton-próton no experimento CMS produzindo dois fótons de alta energia (torres vermelhas). Isto é o que nós esperaríamos ver a partir do decaimento de um bóson de Higgs, mas também é compatível com processos físicos de fundo padrão do modelo. © CERN 2012
Ambos ATLAS e CMS deu o nível de significância do resultado como 5 sigma na escala em que os físicos de partículas usam para descrever a certeza de uma descoberta. Um sigma significa que os resultados poderiam ser flutuações aleatórias nos dados, 3 contagens sigma como uma observação e um resultado 5-sigma é uma descoberta. Os resultados apresentados são hoje preliminar, como os dados de 2012 está ainda sob análise. A análise completa está prevista para ser publicada no final de julho.

Papo de Varanda



Bom dia a todos.
Hoje estava trabalhando quando me chamaram...
Era Rogério, queria que eu fosse a Terra com ele, estranhei pois ir a Terra é algo especial, mais como Rogério é assim e já estou acostumando. “Primeiro faz depois explica”.
Então pedir a Graça que ficasse em meu lugar no atendimento e fui até o encontro de Rogério, chegando lá no Campo marcado, ventava suavemente e Rogério estava parado olhando para a Terra me esperando.
“Bom dia belller,vamos você ira gostar do que vai ver.”
Só sorrir e peguei na mão dele, logo veio aquela sensação de fechar os olhos rapidamente, sentindo varias coisas ao passar por dentro de mim como uma pequena queda no elevado e logo ele se estabelece.
Abrir os olhos estava em um Hospital, A vibração da Terra é muito diferente, já estava me sentindo estranha e Rogério disse:
“não tente agir como eles, você não estar encarnada, lembre-se...”
E aí a sensação de mal estar foi melhorando....
Rogério me levou até um quarto onde estava uma prima minha deitada dormindo, ele logo me levou em outro a onde tinha um bebezinho balançando os bracinhos, fofo demais.
“Sua vó Isa,agora é Matheus...”
Fiquei abobada, queria dizer algo para ela ,mais não é ela, é ela.....
“Agora só poderá falar com ela raramente, principalmente enquanto ainda se mantiver na infância.”
Então relaxei e fiquei admirando o bebezinho, olhando o hospital ao redor, pensando nesse milagre da vida e que tinha muitas coisas a dizer a ela,abraça-la,confesso que fica um pouco de confusão em nossa mente...
Também não pude deixar de pensar quando fosse minha hora de retornar, apesar de saber que estar bem longe, mais em situações como esta não tem como deixar de pensar nessa possibilidade, é igual quando vamos em um enterro aí na Terra, logo pensamos e se fosse com agente, só que aqui é quando nasce rsrsrs...
Perguntei a onde era aquele lugar na Terra e ele disse: “Meier-Zona Norte do Estado do Rio de Janeiro.”
“O setor que você estar Bella é muito ocupado, já estão sentindo sua falta lá, se concentre para voltarmos.”
Respirei fundo fechei os olhos, sentir todas aquelas sensações novamente e lá estava eu no Campo novamente.
“Sei que queria ver mais coisas, mais perguntas, ir em ais lugares lá na Terra, mais estar em um grupo bem organizado e ficara lá até Dezembro e sua mentora de lá é bem exigente, para deixar eu fazer essa pequena viajem com você foi um custo, então pelo menos até dezembro continuara assim bem ocupada e sem poder sair muito”
Disse; estar bem,e aproveitei a oportunidade do assunto, para dizer a ele que as vezes ainda sinto falta da Terra, se isso é normal, estava com vergonha de perguntar já que eles me consideram tanto.
Rogério sorriu e disse:
“Ah irmãos”..,quando estão lá, pensam demais como aqui o seria, e quando estão aqui, sentem falta de lá.
É normal Bella sentir falta da Terra, pois era jovem não tinha passado por muitas experiências lá e faz poucos anos que estar aqui, você é que surpreendeu todo mundo em tão pouco tempo já alcançou lugares de trabalho aqui destinados aos espíritos mais experientes em vidas, mais isso é devido ao seu coração, seus sentimentos puros com as coisas.
Logo a falta de experiências em certas coisas vem átona ,saudades etc...
É normal, não fique envergonhada, a cada dia compreenderas mais sua essência e existência e esses sentimentos irão se dissipando para a evolução.
A Terra é um lugar maravilhoso, é claro que sentiremos falta, mais isso diminuir, nas visitas de ajudas fraternas, Ao ouvir uma boa musica de lá que nos remete imediatamente a lembranças únicas, não é mesmo?
É verdade,...
“Pois então trabalhe minha amiga,eu sei que pode estar parecendo puxado agora de inicio, mais ira se acostumar de tal modo, que quando as folgas chegarem, vai querer estar atendendo...,tão envolvida que estará...”
Fiquei um pouco mais calma com a conversa e pedir-lhe para ir até minha casa, já que ficou fazia, só para ver como estavam as coisas...
Ele sorriu e disse:
“Estar bem,não demore, de lá volte para seu trabalho, pois já estão emitindo pensamentos para mim perguntando de você, não demore estar bem...”
Fui correndo, estava tudo do mesmo jeitinho, a casa estar fechada, fui até meu quarto e corri para a varanda e estou aqui escrevendo, desculpe o mau jeito e a pressa, mais achei que deveriam saber e que também estava sentindo falta.
Muito obrigado, pelo carinho de todos vocês, sinto todas as noites ótimos sentimentos e às vezes chegam pedidos rsrsrsrs,mais não posso responder ou fazer, então me comunico aos espíritos mais próximas daqueles que me enviaram os pedidos e assim  acabo conhecendo pessoas e digo “Olá sou Isabelle,o senhor conhecer..........,ela estar passando por isso e isso e gostaria de um auxilio, ajudar e preces.”
Tem uns que já podem ajudar diretamente, outros vão pedir a outros que podem e assim...
O curioso é que eles perguntam; Como conheceu agente, nossa família, não me lembro de você quando estava encarnado?
E eu digo, Não se conhecemos,eu  escrevo sempre que possível em um blog pertencente a um centro espirita que frequentava quando lá estava, e tenho muitos leitores e esses me emitem esses sinais e assim chego até vocês, mais só posso fazer isso a noite é quando tenho tempo.
Na maioria eles sorriem e dizem ,nossa que trabalho legal esse seu, boa atitude, achei até que fulano tinha já me esquecido..
E digo...
Não, tem muitas outras coisas...,o senhor deveria estudar e perguntar aos seus mentores como se aproximar para ajudar esses seus amados que pensam e precisam de ajuda lá em nossa querida Terra.
Aí se abraçamos e vou embora, mais logo no outro dia tem mais pedidos, o centro funciona no estado do Rio de Janeiro, mais a maioria dos pedidos vem de toda parte do mundo,Estados Unidos,Africa,Europa e assim...
Achei muito bonita a matéria de Lugares Distantes, pois assim é uma forma de homenagear esses corações que nos acompanham.
Bons deixa eu ir, pois agora sou eu que estou sentindo ser chamada. Logo escrevo mais está bem.
Beijão e um abraço apertado em todos, os amos muito.
Isabelle Quintanilhar


Momento Espirita




A atriz Rita Hayworth tornou-se famosa vivendo nas telas o mito da mulher sensual. Em 1946, tornou-se deusa do amor interpretando o papel que lhe daria maior glória: Gilda.
Dali em diante foi sempre difícil para ela conseguir que as pessoas separassem Rita de Gilda. As pessoas a olhavam e a viam como Gilda, a personagem do filme.
Por isso mesmo, Rita chegou a se casar por sete vezes. Em suas entrevistas, ela dizia que jamais conseguira ser verdadeiramente amada.
Os homens procuram Gilda, namoram Gilda, casam-se com Gilda e depois descobrem que sou Rita, simplesmente Rita.
O que a famosa atriz queria dizer é que os homens não conseguiam vê-la como o ser humano, com defeitos, com desejos e anseios muito diferentes daqueles da personagem que interpretava no filme. Por isso, acabavam se desiludindo e abandonando-a.
Isso acontece muito. Trata-se do que Erich Fromm chama de amor sentimental. É o amor que só é experimentado em fantasia e não nas relações concretas com a pessoa, que é real.
Assim, homens e mulheres, que não se sentem felizes em seus casamentos, encontram satisfação no consumo de filmes, novelas, contos amorosos e canções de amor.
Comovem-se até às lágrimas quando participam da feliz ou infeliz história de amor do casal, na tela, como se fosse a sua própria história.
As mulheres que ficam aguardando um gesto de gentileza do marido, alguma atitude romântica e nada recebem, escolhem como seu ideal o galã da telenovela da atualidade.
Sim, aquele é um homem verdadeiramente gentil. Ele sabe elogiar o cabelo, a roupa nova da sua amada. Tem a capacidade de renunciar à companhia dos amigos para estar com ela. Manda flores, escreve e fala frases bonitas.
Assim também o homem que vê no papel da atriz o seu ideal de mulher e se torna espectador do amor alheio.
Vibra com tudo o que a cena lhe mostra, mas quando retorna à sua vida real, se torna frio.
No entanto, amar, antes de tudo, consiste em dar, não em receber.
E o que uma pessoa pode dar para outra? A mais importante maneira de dar não está nas coisas materiais, está em dar de si mesmo, do que tem de mais precioso, dar de sua vida.
Dar da sua alegria, da sua compreensão, da sua atenção, da sua tristeza, enfim, de todas as expressões e manifestações daquilo que vive em si.
*   *   *
O amor é de essência divina. Todos os homens, do primeiro ao último, têm, no fundo do coração, a centelha desse fogo sagrado.
O amor é o mais elevado dos sentimentos. É esse sol interior que reúne em seu ardente foco todas as aspirações sobre-humanas.
Quem ama encontra, todos os dias, razões para a própria felicidade que é, em síntese, a felicidade daqueles que ama.

Redação do Momento Espírita, com base nos caps. II e III, do
livro A arte de amar, de Erich Fromm, ed. Itatiaia e nos itens 8 e 9 do
cap. XI de O evangelho segundo o espiritismo, de Allan Kardec, ed.
Feb.
Em 4.7.2012.

Labels

Aurora Boreal/Grupo C.E. Tecnologia do Blogger.

Mapa

Free Visitor Maps at VisitorMap.org