Noticias do meio


Dona Canô morre aos 105 anos na Bahia

Dona Canô faleceu em sua casa, em Santo Amaro da Purificação (Foto: Léo Azevedo/Estadão Conteúdo)







Dona Canô, como era conhecida Claudionor Viana Teles Veloso, morreu aos 105 anos por volta das 10h desta manhã desta terça-feira de Natal, em casa, em Santo Amaro da Purificação, no Recôncavo Baiano. Mãe dos cantores Caetano Veloso e Maria Bethânia, ela também deixa outros seis filhos - dois adotivos.

Em mensagem publicada no microblog Twitter nesta manhã, Caetano agradeceu a solidariedade de todos. Segundo o texto postado na rede social, o velório de Dona Canô será as 18 horas no Memorial Caetano (17 horas de Brasília). Ainda no horário local, a missa ocorre na quarta-feira, às 9 horas, na Purificação, e o enterro será no Cemitério de Santo Amaro, às 10 horas.

No dia 16 de setembro de 2012, Dona Canô completou 105 anos e, como tradicionalmente faz, reuniu amigos e a família em missa e comemoração em casa. Estiveram na festa os filhos Caetano Veloso e Maria Bethânia e a amiga Regina Casé. Quem celebrou a missa foi o padre Reginaldo Manzotti.

Há duas semanas, a mãe de Caetano e Bethânia havia sofrido uma isquemia cerebral. Ela permaneceu hospitalizada durante seis dias e recebeu alta na sexta-feira passada (21). Segundo a imprensa baiana, Dona Canô passou a noite de Natal junto com todos seus filhos e faleceu durante a manhã de hoje, também na companhia deles.

Sua vida inspirou um livro, "Canô Velloso, lembranças do saber viver", escrito pelos historiadores Antônio Guerreiro de Freitas e Arthur Assis Gonçalves da Silva e publicado em 2009.

0 comentários:

Postar um comentário

Labels

Aurora Boreal/Grupo C.E. Tecnologia do Blogger.

Mapa

Free Visitor Maps at VisitorMap.org